Bahia tem maior PIB Agropecuário do Brasil

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Bahia tem maior PIB Agropecuário do Brasil


Com R$ 1,6 bilhão, o município de São Desidério ostenta o título pelo terceiro ano consecutivo

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou a relação das maiores economias do País, referente ao ano de 2019. A Bahia, mais uma vez, foi destaque no setor agropecuário. São Desidério, no Oeste do Estado, se consolidou como o maior produtor de algodão do País e, também, como o maior PIB agropecuário do Brasil.

Naquele ano, o município registrou um valor bruto de R$ 1,6 bilhão, uma queda significativa se comparado a 2018, quando o valor gerado pela agropecuária são-desideriana foi orçada em R$ 2,5 bilhões. Mesmo com a retração de 36,5% a liderança foi mantida em 2019. O indicador representa a soma (em valores monetários) de todos os bens e serviços finais produzidos no município, cuja principal atividade econômica é a agropecuária, responsável por movimentar quase 70% do mercado local.

Atrás de São Desidério estão Sorriso, no Mato Grosso, com um valor de R$ 1,469 bilhão; e Rio Verde, no Goiás, com R$ 1,467 bilhão, ocupando o 2º e 3º lugar, respectivamente. Outros municípios baianos que também apareciam na mesma relação perderam algumas posições no ranking nacional do PIB da agropecuária, como é o caso de Formosa do Rio Preto e Barreiras, também na região Oeste.

Com R$ 1,2 bilhão, Formosa registrou uma queda nominal de 34,7% frente a 2018 e caiu da 2ª para a 8ª posição, em um ano. Já Barreiras deixou o ranking dos 10 maiores PIB agropecuários do Brasil, em 2019. Com valor de R$ 861,3 milhões (-19,4% do que em 2018), o município caiu da 10ª para a 17ª colocação. Tudo isso porque 2019 foi um ano de baixa para as principais commodities produzidas na Bahia (algodão, soja e milho).

Os dados foram recebidos pelo presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (Faeb), Humberto Miranda, sem grande surpresa. Para ele, mesmo com algumas oscilações normais de qualquer atividade, a agropecuária é mola propulsora da economia da Bahia e do Brasil.

“Os números mostram que 2019 foi um ano cheio de desafios no campo e na cidade, mas, apesar de alguns percalços, continuamos firmes no propósito de alimentar pessoas e economias. A permanência de São Desidério como o município com o maior PIB só reafirma a nossa vocação e o nosso potencial para o agronegócio (agricultura e pecuária)”, declarou Miranda.

O balanço divulgado pelo IBGE contempla, ainda, o PIB gerado por outras atividades econômicas, como por exemplo Indústria e Comércio. Apesar de registrar o maior crescimento entre as capitais (+0,04%), Salvador caiu duas colocações no ranking das maiores economias do País e ocupa o 12º lugar entre as 15 maiores. Neste mesmo ano, o melhor desempenho foi registrado em Camaçari, que teve maior participação no PIB, passando de 8,3% para 8,9% da Economia do Estado.

Ascom: Sistema Faeb

Fonte: CNA Brasil

Mais Notícias em Agronegócio

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
Área de comentários
Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

canal no youtube

Mais recentes