Natural do Campo chega em sua quarta edição com resultados positivos

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Natural do Campo chega em sua quarta edição com resultados positivos


Produtores, consumidores e colaboradores do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) comemoram os resultados positivos das primeiras quatro edições da Feira Natural do Campo. Ainda faltam outras quatro edições que acontecem sempre na quarta-feira a partir das 17 horas no estacionamento do Shopping Estação Cuiabá. Pesquisas feitas em todas as edições revelam que tanto os produtores, quanto consumidores estão satisfeitos.

Os consumidores elogiam a qualidade dos produtos, os preços, a diversificação dos produtos e também o ambiente em que está sendo realizada. Já os produtores estão satisfeitos com o contato direito com quem consome seus produtos e também por poder precificar as mercadorias.

Para os atendidos pela Assistência Técnica e Gerencial (ATeG), do Senar-MT, a feira Natural do Campo é a oportunidade de praticarem mais uma etapa de sua cadeia produtiva, que é a comercialização.

Na Natural do Campo tem frutas, legumes, verduras, derivados de leite, compotas e vários outros tipos de “gostosuras” vindos direto do campo. Mais do que “fazer a feira”, os visitantes terão a oportunidade de ouvir uma boa música e também fazer um lanchinho.

COM A PALAVRA O PRODUTOR

Solange Xavier da Silva Borges – “Sou produtora de frutas em Tangará da Serra. Participei de todas as edições da feira até agora. Estou aprendendo a comercializar os nossos produtos de forma diferente. Com a Assistência Técnica e Gerencial do Senar-MT estamos aprendendo a agregar valores ao nosso produto”.

Josimar Gomes de Oliveira e a esposa Gabriele Regina Gonçalves Gomes –  “Estamos sendo assistidos pelo Senar-MT faz apenas seis meses. Com este contato direto com o consumidor estamos aprendendo a nos relacionar melhor e a saber mais sobre quem compra o nosso produto.  Nossa maior expectativa é aumentar as vendas”.

Weligton Alves Pereira – “Sou produtor de frutas e legumes, em Aguaçu e a  ATeG do Senar-MT está fazendo toda a diferença em nossas vidas”.

Adriane Aguiar – “Eu produzo abacaxi no Assentamento Antônio Conselheiro em Tangará da Serra. Quero aprender com o Senar-MT a produzir um produto de qualidade e a fazer uma boa comercialização, aumentando assim, minha renda e rentabilidade”.

Fonte: CNA Brasil

Mais Notícias em Agronegócio

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
Área de comentários
Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

canal no youtube

Mais recentes