Chamada pública selecionará projetos de pesquisa na área de saúde

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Chamada pública selecionará projetos de pesquisa na área de saúde


Para estimular o desenvolvimento de produtos tecnológicos voltados para a saúde, foi lançada, nesta quinta-feira (21), uma chamada pública para Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação com empresas industriais na área de fármacos e biofármacos. A chamada é uma parceria entre o Ministério da Saúde e a Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii).

Serão credenciados como unidades da Embrapii quatro grupos de pesquisa, que vão se dedicar ao desenvolvimento de fármacos nacionais e que poderão inovar com as empresas dos setores. O recurso disponível será de R$ 20 milhões, assim cada unidade poderá pleitear R$ 5 milhões.

Poderão participar da seleção instituições científicas, tecnológicas e de inovação públicas ou privadas sem fins lucrativos. Para se inscrever, os interessados devem atuar em pelo menos três dos seguintes temas: descoberta de novas moléculas e princípios ativos, desenvolvimento de IFAs, biologia molecular aplicada a produtos terapêuticos; anticorpos monoclonais, proteínas terapêuticas; kits diagnósticos; sistemas de liberação controlada de fármacos; implantes incorporados com fármacos; manufatura aditiva de produtos para saúde incorporados com fármacos; ensaios pré-clínicos; ensaios clínicos fase I; e produção de hemoderivados.

No próximo dia 27, às 15h, ocorrerá uma palestra para esclarecer dúvidas para os grupos candidatos.

As inscrições devem ser feitas aqui.

Um dos objetivos da Embrapii é fazer a interação entre governo, universidades e empresas em processos e desenvolvimento de tecnologias demandadas por empresas para o mercado.

Desenvolvimento

Na cerimônia, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou que é preciso desenvolver no Brasil um forte complexo industrial da saúde. “Num país que gasta 10% de seu PIB [Produto Interno Bruto] com saúde e com a perspectiva de ter gastos superiores, já que o ambiente pandêmico mostrou que saúde é muito mais estratégico que pensávamos, por isso é fundamental que tenhamos essa convicção do fortalecimento do complexo industrial e não pode existir esse fortalecimento sem que a pesquisa seja fomentada fortemente”, disse.

“Temos uma ambiência muito promissora para que nosso país se consolide como um grande líder nas Américas e no mundo”, afirmou Queiroga.

O diretor-presidente da Embrapii, Jorge Guimarães, destacou a importância da chamada com foco em saúde. “Essa inciativa vem trazer mais força e atração tanto das empresas quanto de grupos de pesquisa. Estaremos, seguramente, ampliando mais para frente o número desses grupos de pesquisa aplicada capazes de atuar no setor farmacêutico de modo geral, no setor de saúde. Temos a convicção de que estamos dando um passo importante”, disse Guimarães.

Embrapii – Projetos saúde

A Embrapii é uma organização social com contrato de Gestão com os ministérios da Ciência, Tecnologias e Inovações (MCTI); da Saúde e da Educação. A empresa foi criada em 2013 com o objetivo de incentivar a inovação da indústria.
O modelo garante recursos não reembolsáveis para incentivar a inovação na indústria a partir do desenvolvimento de projetos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação. Além disso, a Embrapii oferece conhecimento para que as empresas superem os desafios tecnológicos.

Em seis anos de atuação, a Embrapii apoiou na área da saúde o desenvolvimento de 185 projetos com 157 empresas do setor, que somam R$ 161 milhões e 52 pedidos de propriedade intelectual nos projetos concluídos. Desses projetos 64 foram para combate ao novo coronavírus, como por exemplo, desenvolvimento de equipamento para oxigenação extracorpórea de paciente (ECMO), de ventiladores pulmonares, de componentes para os ventiladores e de testes rápidos.

Fonte: Brasil.gov

Mais Notícias de BRASIL

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
  • Facebbok
  • Twiter
  • Youtube
Área de comentários
Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

canal no youtube

Mais recentes