Deputado do PSL que atirou em advogado processa vítima

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Divulgação Alerj

Deputado do PSL que atirou em advogado processa vítima


.

O deputado estadual Alexandre Knoploch (PSL-RJ), que atirou no advogado Helvidio Nunes Neto no início deste mês em Brasília, registrou nesta segunda-feira (20) boletim de ocorrência contra a vítima por calúnia e difamação e irá processá-lo.

A ação ocorre após o advogado informar em entrevista que o deputado o procurou na tentativa de convencer-lhe a mudar a versão dada em depoimento à Polícia Civil.

Relembre: Deputado do PSL atira em advogado na porta de festa em Brasília

Knoploch confirmou que foi procurado pelo advogado, no dia seguinte ao acidente. O parlamentar conta que a vítima pediu ajuda para pagar despesas médicas e fisioterapia – “foi quando o deputado respondeu que ajudaria dentro daquilo que pudesse”.

“Não cederei a nenhum tipo de tentativa de extorsão. O que aconteceu foi que ele me procurou logo depois do ocorrido, pedindo desculpas e pedindo também que eu ajudasse a pagar a fisioterapia. Foi aí que houve um acordo que eu ajudaria com 12 parcelas de 1250, para pagar as despesas médicas dele. Não pedi que ninguém mudasse depoimento em momento nenhum. Eu fui o primeiro a procurar a delegacia seguidamente da ocorrência dos fatos”, diz Knoploch.

Veja: Maioria dos brasileiros não quer ter arma em casa

Relembre o caso

Na madrugada de quinta-feira (2), o parlamentar atirou no pé do advogado na porta de um restaurante onde estaria ocorrendo uma festa clandestina em Brasília durante a pandemia do novo coronavírus. Na época, o deputado alegou ter agido em legítima defesa.

Divulgação Alerj
Fonte: R7

Mais Notícias de BRASIL

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
Área de comentários
Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais recentes