Educação recua e anula decisão de Weintraub de cotas na pós a negros 

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Marcos Corrêa/PR - 04.02.2020

Educação recua e anula decisão de Weintraub de cotas na pós a negros 

.

O ministro interino da Educação, Antonio Paulo Vogel de Medeiros, revogou nesta terça-feira (23) a portaria do ex-ministro Abraham Weintraub que acabava com as cotas para indígenas, negros e pessoas com deficiência em universidades federais.

A decisão está publicada no DOU (Diário Oficial da União) nesta terça-feira (23). Portanto, o ministério voltou atrás e as cotas para esse público-alvo voltam a valer.

A portaria de Weintraub revogava uma anterior que promovia a política de cotas em programa de pós-graduação das universidades federais. A decisão foi publicada na quinta-feira (18), mesmo dia que Weintraub anunciou a saída da pasta.

Na segunda-feira (22), o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes mandou a AGU (Advocacia-Geral da União) se manifestar em até 48 horas sobre a portaria do ex-ministro da Educação. O despacho do ministro foi deferido em uma das três ações que estão sob sua relatoria no Supremo.

Saída de Weintraub

O ex-ministro pediu demissão da pasta depois de se envolver em polêmicas com o STF. Na reunião ministerial de 22 de abril, Weintraub sugeriu colocar os “vagabundos” do STF na cadeia. A fala gerou críticas de ministros da Corte e de parlamentares.

O ex-ministro também se tornou investigado no inquérito das fake news contra ministros da Corte. A exoneração de Weintraub foi publicada no sábado (20), quando ele já estava nos Estados Unidos. 

Na segunda, agradeceu o apoio das “dezenas de pessoas” que o ajudaram a chegar nos Estados Unidos e afirmou que está bem

Marcos Corrêa/PR – 04.02.2020
Fonte: R7

Mais Notícias de BRASIL

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
Área de comentários
Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais recentes