Após polêmica de prisão, André Gonçalves celebra seis anos com Danielle Winits

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Após polêmica de prisão, André Gonçalves celebra seis anos com Danielle Winits


source
Danielle é casada com André
Reprodução

Danielle é casada com André


O ator André Gonçalves postou ontem uma foto dele com a mulher, a atriz Danielle Winits, comemorando seis anos de relacionamento. Junto com a imagem, ele escreveu: “6 anos juntos. Grato por tudo. Te amo. Rainha da minha vida”.

O ator cumpre a prisão domiciliar decretada pela Justiça de Santa Catarina com uso de tornozeleira eletrônica em sua residência no Rio de Janeiro onde mora com Danielle. A decisão foi tomada em processo movido por sua ex-mulher, a jornalista e atriz Cynthia Benini, por dívidas com a pensão alimentícia da filha que tiveram.

Leia Também


Gonçalves, que completou 46 anos na terça-feira passada, deve cerca de R$ 350 mil em pensão alimentícia da filha Valentina, de 18 anos, com quem o ator mantinha bom relacionamento até a decisão. O valor mensal estabelecido é de R$ 4,5 mil. A informação foi revelada pelo “Metrópoles” e confirmada pelo GLOBO.

O ator, que foi demitido em 2016 e ficou desempregado, estava inadimplente desde 2017. Neste período, a dívida chegou a R$ 112.044,33. Com juros e correção monetária, o valor subiu para R$ 352.579,01. Em julho deste ano, ele teve os bens penhorados por conta das dívidas com a pensão da filha.

Leia Também

Nesta quinta-feira, Danielle usou suas redes sociais para um post que indiretamente faz referência à situação vivida por seu atual marido, o ator André Gonçalves. Por atraso de pensão para a filha, ele foi condenando a cumprir prisão domiciliar, com uso de tornozeleira eletrônica: “Empatia: um caso de utilidade pública”, diz a mensagem da atriz.

Nascido em Natal, no Rio Grande do Norte, e criado no Parque Arará e na Vila do João, favelas da Zona Norte do Rio de Janeiro, foi descoberto pelo ator diretor Roberto Bontempo em produções comunitárias e estrelou em 1989 na minissérie “Capitães de areia”, da Bandeirantes, uma adaptação do romance de Jorge Amado.

Fonte: IG GENTE

Mais Notícias de Entretenimento

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
  • Facebbok
  • Twiter
  • Youtube
Área de comentários
Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

canal no youtube

Mais recentes