Ex-The Voice conta o que mudou após revelar ter HIV: “Não é sentença de morte”

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Ex-The Voice conta o que mudou após revelar ter HIV: “Não é sentença de morte”


source
Ex-The Voice fala de como a vida mudou após revelar que tem HIV
Reprodução/Instagram

Ex-The Voice fala de como a vida mudou após revelar que tem HIV


O cantor e ex-The Voice Leandro Buenno, que vai interpretar Cazuza no musical “Cazas de Cazuza”, revelou como a vida mudou após contar publicamente que é portador do HIV.

Leandro Buenno, em entrevista ao Gshow, disse que preferiu viver sem tabus na intenção de desmistificar o HIV e mostrar para seus seguidores que ser soropositivo não é uma sentença de morte.

“É muito interessante a gente falar de HIV em 2021, que era uma sentença de morte há 20/30 anos atrás. Hoje, é completamente distante dessa realidade. Se vive com HIV muito bem e não é mais uma sentença, graças a Deus. É muito doido para mim assistir e também vivenciar essa história de outra perspectiva. Vivo com HIV desde 2017 e falo sobre isso na peça, de uma perspectiva diferente, de alguém que perde uma pessoa que descobre que está com Aids e que não consegue lidar com isso mentalmente”, contou Leandro.

Leia Também


O cantor, que vai casar com o influenciador Rodrigo Malafaia em 2022, explicou que estimula a conversa sobre o assunto para que as pessoas busquem o tratamento o quanto antes. “Se o diagnóstico for positivo, tem que se cuidar, procurar um médico imediatamente e começar o tratamento, que é muito simples hoje. Viver com HIV é como viver com diabetes, sem querer romantizar nada. Mas é realmente para tentar tirar esse estigma que ainda existe.”, continuou em entrevista ao Gshow.

Para Leandro, não há arrependimento de passar sua experiência como portador do HIV para seguidores e desconhecidos. “Sempre tento passar minha experiência. A forma que eu vivo, que eu acho que é a melhor de lidar com esse assunto. Não sou médico, então não receito nada para ninguém, mas sempre adianto que é uma vida normal, para inspirar as pessoas a passarem por algo que elas têm que passar, da forma que se sentirem mais confortáveis, no tempo delas. Mas o tempo de se tratar nunca tem que ser deixado para trás. Falar abertamente me deu muita força, me alegrou. É maravilhoso ver o feedback das pessoas, o carinho nas redes sociais. Foi positivo.”, completou.

Fonte: IG GENTE

Mais Notícias de Entretenimento

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
  • Facebbok
  • Twiter
  • Youtube
Área de comentários
Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

canal no youtube

Mais recentes