Polícia volta atrás e nega prisão de Cupertino: “A caçada continua”

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Polícia volta atrás e nega prisão de Cupertino: “A caçada continua”


source
Paulo Cupertino Matias entra na lista de mais procurados ela polícia
Reprodução/Instagram/Polícia Civil

Paulo Cupertino Matias entra na lista de mais procurados ela polícia


Mais cedo, foi noticiado que Paulo Cupertino, que assassinou o ator Rafael Miguel e seus pais no ano passado, foi preso. A Polícia Militar do Paraná, no entanto, voltou atrás e não confirma a prisão. Na manhã desta quarta-feira (28) ela havia avisado a Polícia Civil sobre a captura. Mas, agora, uma coletiva de imprensa convocada pela PM esclareceu o caso.

O delegado-geral de São Paulo, Ruy Fontes, afirmou que a Divisão de Capturas de São Paulo recebeu a informação da Polícia Civil do Paraná de que Paulo Cupertino tinha sido preso com documento falso em uma blitz de trânsito da PM em Centenário do Sul, em Londrina. Mas, depois, a informação não foi confirmada.

A informação foi transmitida pela PM paranaense, comunicando a Polícia Civil que estava levando o preso para a delegacia. A partir dessas informações, o delegado-geral de São Paulo confirmou também para o Palácio dos Bandeirantes que Cupertino tinha sido preso. Ele ainda informou que enviaria o procurado a São Paulo, mas o tal homem detido não chegou à delegacia.

Ao “Balanço Geral”, da RecordTV , o delegado da Polícia Civil de São Paulo, Nico Gonçalves, disse que recebeu a informação de que o homem suspeito não é Cupertino . “A caçada continua”, disse Nico.

Segundo o delegado-geral do Paraná, a PM paranaense pode ter se equivocado. A Polícia do Paraná deve esclarecer a confusão sobre o caso ainda nesta tarde.

Fonte: IG GENTE

Mais Notícias de Entretenimento

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
Área de comentários
Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais recentes