Sexta-feira 13 de agosto: internautas se dividem entre o medo e os memes

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Sexta-feira 13 de agosto: internautas se dividem entre o medo e os memes


source
Sexta-feira 13 agita internautas
Reprodução/Twitter

Sexta-feira 13 agita internautas


Parascavedecatriafobia? Medo, azar, sarcasmo e gatos pretos dominam as redes sociais na manhã desta sexta-feira, 13 de agosto de 2021. A mística se repete sempre que o 13º dia do mês cai no sexto dia da semana. Em agosto, há quem ache a situação ainda mais macabra. Enquanto alguns internautas compartilham seus temores, outros fazem piadas ou buscam explicar por que há tanta superstição nesta data. O termo “Sexta-feira 13” já é o mais comentado do Twitter, ocupando as duas primeiras posições no Brasil.

Uma das postagens mais repercutidas é a do historiador e escritor Luiz Antonio Simas, que apresenta três possíveis razões para a mística que cerca a data de hoje. Ele conta que, aos 10 anos, aprendeu e vibrou com o significado de duas palavras: parascavedecatriafobia, que quer dizer “medo da sexta-feira 13”. E triscaidecafobia, que significa o medo do número 13.


Um dos motivos, segundo o autor, para o medo do número 13 pode ter origem no cristianismo. O temor tem relação com Judas Iscariotes que, segundo o conhecimento religioso, foi o discípulo que traiu Jesus. “Vem muito da tradição da Santa Ceia (Cristo+12) – de quinta pra sexta – e de Judas, último a chegar, ser o 13º”, explica Simas.


O historiador também busca uma explicação na cultura nórdica. De acordo com ele, há uma história em que Loki, o deus das travessuras e trapaças, perturbou um jantar no Valhalla, um local paradisíaco da mitologia. Loki foi o 13º participante no evento e tirou a paz dos presentes. “Zombou, cuspiu, fez piada”, escreveu Simas. No fim, os outros 12 deuses presentes se confrontaram em um grande confusão e um deles, Baldur, morreu.

Como terceira possível explicação, o historiador volta ao século XIV. “Tem quem atribua o medo ao 13 de outubro de 1307, uma sexta, quando os cavaleiros templários foram presos pelo Filipe IV da França. Muitos prisioneiros foram posteriormente queimados, como grão-mestre dos templários, Jacques de Molay, em frente à Catedral de Notre Dame. Molay teria amaldiçoado todo mundo antes de morrer. Jogou praga para a humanidade inteira”, concluiu Simas.

“Como juntar agosto?”, questionou um internauta. Segundo o autor, a superstição para os brasileiros vem de uma “provável tradição portuguesa”. “Era o mês em que as caravelas em geral saiam ao mar no século XV, por causa do regime dos ventos. Tinha muito naufrágio, e era comum que as moças não casassem nessa época, pelo receio de enviuvar precocemente. Agosto era o mês do desgosto”, lembrou Simas, que também é professor.

Você viu?

Há também quem relacione a sexta-feira 13 com os gatos pretos, vistos por muitos como sinônimo de azar. Para a maioria dos internautas, porém, os felinos de estimação são vistos com carinho. Muitos alertam, inclusive, para o cuidado com os animais, que costumam ser maltratados neste dia.

Até a Polícia Militar de São Paulo entrou na campanha, incentivando as denúncias aos maus tratos com os animais.

Outros, mais bem-humorados, preferem fazer piadas com a superstição. Confira:






Fonte: IG GENTE

Mais Notícias de Entretenimento

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
  • Facebbok
  • Twiter
  • Youtube
Área de comentários
Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

canal no youtube

Mais recentes