PF e órgãos ambientais apreendem quase 200 kg de peixes protegidos por lei do Parque Nacional do Iguaçu

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

PF e órgãos ambientais apreendem quase 200 kg de peixes protegidos por lei do Parque Nacional do Iguaçu


Foz do Iguaçu/PR – Nesta quarta-feira (29/12), policiais federais, em ação integrada com servidores do ICMBio e do Ibama, realizavam fiscalização na cidade de Foz do Iguaçu/PR, quando identificaram um depósito com dezenas de peixes de espécie em risco de extinção.

O depósito, localizado dentro de um mercado no bairro Porto Meira, possuía cerca de 82 unidades de surubim do Iguaçu (Steindachneridion melanodermatum), totalizando 194 quilos. Essa espécie, conhecido popularmente como bocudo ou monjolo, é endêmico do rio Iguaçu, especificamente da região do Parque Nacional do Iguaçu, e está na lista de espécies ameaçadas de extinção.

Além dos quase 200 kg de peixe apreendidos, o mercado também possuía diversos produtos de origem animal, como de boi, porco e frango, em condições inadequadas de armazenamento. Diante disso, foi acionada a Vigilância Sanitária do município, que lacrou os refrigeradores e suspendeu a venda dos citados produtos.

O responsável pelo mercado foi preso em flagrante pelo crime ambiental e conduzido à Delegacia de Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR, para os procedimentos judiciais. Também foram lavrados autos de infração pelo Ibama em face do estabelecimento comercial.

Comunicação Social da Polícia Federal em Foz do Iguaçu

[email protected]

Mais Notícias de Polícia

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
Área de comentários
Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

canal no youtube

Mais recentes