Polícia Civil deflagra ‘Operação 163’ contra grupos que vandalizam trens

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Polícia Civil deflagra ‘Operação 163’ contra grupos que vandalizam trens


A ação, coordenada pela Delpom, foi deflagrada na Capital, Grande SP e Interior

A Polícia Civil prendeu, nesta quinta-feira (23), dDocName%3aUCM 063119 seis homens, com idades entre 35 e 40 anos, durante cumprimento de ordens judiciais contra grupos que vandalizam trens da CPTM e Metrô. Denominada 163 em referência ao artigo de dano do Código Penal, a operação foi deflagrada na Capital, Grande São Paulo e Interior.

A operação em campo foi realizada após cerca de seis meses de um intenso e minucioso trabalho investigativo desenvolvido por agentes da Delegacia de Polícia do Metropolitano (Decap), que foi apoiado em cruzamento de informações, entre outras técnicas de investigação.

Ao longo das diligências, foi apreendido um HD externo, que continha informações sobre integrantes do grupo e sobre ações já realizadas. A partir da identificação dos suspeitos, foram solicitados mandados de prisão e de busca e apreensão, que foram prontamente deferidos pela Justiça.

Ao todo, 140 policiais, com apoio de 47 viaturas, foram empenhados para as atividades, que foram realizadas em toda a capital paulista e nas cidades de Santo André, São Bernardo do Campo, Itapecerica da Serra, Jandira e Osasco, na região metropolitana, e Jundiaí e Sorocaba, no interior paulista.

Como resultado, seis homens foram presos temporariamente e indiciados por associação criminosa, dano e por crime de perigo de desastre rodoviário. “Isso porque durante a prática criminosa, os suspeitos desligam sistemas de segurança das composições, podendo causar danos e acidentes maiores”, explicou o delegado de polícia titular da Delpom.

Além das detenções, também foram apreendidas 953 latas de tinta spray, além de uniformes de funcionários das companhias de transporte, que seriam utilizados durante as ações criminosas, celulares, notebooks, HDs e outros materiais de pichação, como pincéis e latas de tintas.

Mais Notícias de Polícia

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
Área de comentários
Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

canal no youtube

Mais recentes