Polícia Civil investiga venda de cestas básicas doadas pela Prefeitura

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Polícia Civil investiga venda de cestas básicas doadas pela Prefeitura


Para apuração de denúncia, policiais civis da 2ª Delegacia de Polícia da Divisão de Investigações sobre Crimes contra a Administração, Combate à Corrupção e Lavagem de Dinheiro ou Ocultação de Bens, Direitos e Valores (DPPC) , estiveram presentes em sede de Associação Beneficente, situada no bairro de José Bonifácio, extremo leste da Capital, para apurar a venda ilegal de cestas básicas doadas pela Prefeitura de São Paulo.

dDocName%3aUCM 058587A entidade investigada estaria vendendo cestas básicas que recebia gratuitamente da Prefeitura, por intermédio da Secretaria Municipal de Direitos Humanos, em adesão ao programa “Cidade Solidária”.

No local foram encontradas 103 cestas básicas acondicionadas em caixas com o logotipo da Prefeitura do Município de São Paulo e com a inscrição “Venda Proibida”.

A Presidente da Associação negou a cobrança de qualquer taxa para a distribuição das cestas, esclarecendo que recebe sim, a título de contribuição, R$ 10 de quem deseja contribuir para auxiliar nas despesas de logística da entidade. Foram identificados três moradores que confirmaram que foram solicitadas as quantias de R$ 10 para liberar as cestas.

O representante da SMDH informou que a entidade recebeu 800 cestas básicas do programa “Cidade Solidária” e as 103 cestas remanescentes, encontradas no local, foram devolvidas a ele.

Foram apreendidos documentos alusivos às doações entregues, com nome e telefone dos beneficiários, que serão apurados e a Presidente da Associação responderá pelo crime de peculato.

Mais Notícias de Polícia

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
Área de comentários
Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

canal no youtube

Mais recentes