Salto de paraquedas acaba em morte em Boituva

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Salto de paraquedas acaba em morte em Boituva

Salto de paraquedas acaba em morte em Boituva

O centro de paraquedismo de Boituva, registrou a morte de uma paraquedista, de 33 anos, na manhã de domingo, dia 24. Segundo testemunhas que acompanhavam o salto, o acidente que resultou em morte aconteceu após a tentativa de fazer uma manobra.

Bruna Ploner morreu após sofrer politraumatismo, ela era integrante do Exército Brasileiro, e segundo informações do Corpo de Bombeiros ela foi atendida ainda com vida e encaminhada ao Hospital Municipal São Luiz, em Boituva, entretanto não resistiu aos ferimentos.

Salto de paraquedas acaba em morte em Boituva 1
Bruna Ploner morreu após sofrer politraumatismo, ela era integrante do Exército Brasileiro

A equipe do Corpo de Bombeiros, foi acionada na manhã, por volta das 9 horas para atender a ocorrência, e segundo o laudo inicial da equipe de resgate Bruna sofreu politraumatismo na tentativa de pouso.

A escola de paraquedismo de Boituva se pronunciou a respeito do acidente e informou que a paraquedista estava desacompanhada e que o acidente ocorreu na tentativa dela fazer uma curva, mesmo estando em baixa altitude. A empresa informou ainda que não houve falha nos equipamentos.

A ocorrência foi apresentada no Plantão Policial de Boituva. A Polícia Civil periciou o local e solicitou a apreensão do equipamento usado pela paraquedista.

#paraquedas

Mais Notícias de Sorocaba e Região

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:

Área de comentários
Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

canal no youtube

Mais recentes