Chuva de meteoros terá pico nesta semana e será visível do Brasil

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Chuva de meteoros terá pico nesta semana e será visível do Brasil

Chuva de meteoros do rastro do cometa Halley será visto do Brasil

Chuva de meteoros do rastro do cometa Halley será visto do Brasil
Freepik

Uma chuva de meteoros de média intensidade denominada Orionídeos terá seu pico nesta quarta-feira (21). O fenômeno poderá ser visto a olho nu pelos brasileiros, dependendo das condições climáticas.

Popularmente conhecida como “estrela cadente”, a chuva de meteoros consiste na passagem meteoroides pela atmosfera terrestre – que, por sua vez, são fragmentos de cometas ou asteroides que se desprendem desses corpos celestes e ficam vagando pelo espaço, em órbitas em torno do Sol.

Segundo o o coordenador do Observatório Didático de Astronomia da Unesp Bauru, Rodolfo Langhi, a Orionídeos ocorre todos os anos, sempre no mês de outubro. “Este é o período no qual a Terra atravessa o rastro de partículas deixadas pelo cometa Halley, cuja passagem mais recente pelo planeta foi em, 1986.”

A quantidade de meteoros que um fenômeno como este produz por hora varia muito de uma chuva para outra. Segundo o astrônomo, no caso da Orionídeos, a previsão é seja possível observador a passagem de 20 meteoros por hora. “Vale ressaltar, no entanto, que esta taxa é uma previsão calculada para condições bem específicas. Este número não significa necessariamente que a pessoa verá os 20 meteoros previstos a cada hora.”

*Estagiária do R7 sob supervisão de Pablo Marques

Jeff Bezos mostra o interior futurista de sua cápsula espacial

Tecnologia e Ciência

Fonte: R7

Mais Notícias sobre TECNOLOGIA

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
Área de comentários
Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais recentes