Search
Close this search box.

Visitantes são flagradas com drogas no ânus e vagina em presídios de Bauru e Avaré

Compartilhe

Visitantes são flagradas com drogas no ânus e vagina em presídios de Bauru e Avaré

Visitantes são flagradas com drogas no ânus e vagina em presídios de Bauru e Avaré

Duas mulheres foram detidas após tentarem entrar com drogas em presídios da região. O primeiro caso ocorreu na Penitenciária “Nelson Marcondes do Amaral”, a PII de Avaré, no sábado (15). Companheira de sentenciado, a visitante escondeu uma porção de maconha em sua vagina, mas foi barrada pelo escâner corporal.

Inicialmente, ela negou a irregularidade, mas, após ser novamente indagada, confessou que tentava entrar na unidade prisional com entorpecente camuflado em seu órgão genital.

CPP II DE BAURU

No domingo (16), agentes de segurança do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) II “Dr. Eduardo de Oliveira Vianna”, de Bauru, flagraram uma das visitantes com droga em seu corpo. Questionada, ela, que também é companheira de preso, revelou que carregava um invólucro contendo maconha em seu ânus.

Em ambos os casos, as mulheres foram encaminhadas ao Plantão Policial e presas em flagrante. As duas seriam submetidas à audiência de custódia. Já a direção de cada estabelecimento penal instaurou procedimento interno para apurar as ocorrências.

uas mulheres foram detidas após tentarem entrar com drogas em presídios da região. O primeiro caso ocorreu na Penitenciária “Nelson Marcondes do Amaral”, a PII de Avaré, no sábado (15). Companheira de sentenciado, a visitante escondeu uma porção de maconha em sua vagina, mas foi barrada pelo escâner corporal.

Inicialmente, ela negou a irregularidade, mas, após ser novamente indagada, confessou que tentava entrar na unidade prisional com entorpecente camuflado em seu órgão genital.

CPP II DE BAURU

No domingo (16), agentes de segurança do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) II “Dr. Eduardo de Oliveira Vianna”, de Bauru, flagraram uma das visitantes com droga em seu corpo. Questionada, ela, que também é companheira de preso, revelou que carregava um invólucro contendo maconha em seu ânus.

Em ambos os casos, as mulheres foram encaminhadas ao Plantão Policial e presas em flagrante. As duas seriam submetidas à audiência de custódia. Já a direção de cada estabelecimento penal instaurou procedimento interno para apurar as ocorrências.

Mais Notícias de Bauru e Região

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:

Compartilhe!

PUBLICIDADE

canal no youtube