Volkswagen anuncia lay-off e turno único em São Bernardo do Campo

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Volkswagen anuncia lay-off e turno único em São Bernardo do Campo


source
Fachada da fábrica na Volkswagen em São Bernardo do Campo (SP), onde são feitos Polo, Nivus, Virtus e Saveiro
Divulgação

Fachada da fábrica na Volkswagen em São Bernardo do Campo (SP), onde são feitos Polo, Nivus, Virtus e Saveiro

Em decorrência da falta de microchips semicondutores, a Volkswagen anuncia turno único e lay-off na fábrica de São Bernardo do Campo (SP). Os funcionários do Complexo Anchieta já foram notificados pelo sindicato dos metalúrgicos sobre a medida, que envolve 1.500 trabalhadores.

Quatro modelos da Volkswagen são produzidos em São Bernardo do Campo: Polo , Virtus , Nivus e Saveiro . Sendo assim, o curto estoque de microchips semicondutores será utilizado de forma estratégica para beneficiar modelos mais lucrativos.

Em setembro, a Volkswagen removeu a central multimídia Composition Touch da lista de itens de série da dupla Polo e Virtus na linha 2022. Os modelos passam a integrar o equipamento como opcional, a partir de R$ 1.820.

A falta de microchips semicondutores

Enquanto a falta de microchips semicondutores continuar afetando a indústria, não há como prever uma recuperação robusta no mercado. Os estoques estão em nível crítico nas concessionárias, que já enfrentam grandes filas de espera para receber automóveis.

Leia Também

Leia Também

“A situação dos semicondutores traz imprevisibilidade para o desempenho da indústria no restante do ano. Num cenário normal, estaríamos produzindo num ritmo acelerado nesta época do ano”, lamenta Luiz Carlos Moraes, presidente da Anfavea (Associação Nacional das Fabricantes de Veículos Automotores).

O mundo inteiro foi afetado pela falta de microchips semicondutores. Estes componentes são utilizados em circuitos eletrônicos de celulares, notebooks, televisores, videogames e smartwatches. Um automóvel pode ter entre 200 e 400 microchips semicondutores, dependendo da categoria e do nível de tecnologia embarcada.

Durante o balanço do primeiro semestre, a Anfavea repercutiu um estudo feito pela consultoria BCG, que aponta que a falta de microchips semicondutores afetará a produção de algo entre 5 e 7 milhões de automóveis em todo o mundo.

Fonte: IG CARROS

Mais Notícias em CARROS

Curta O Rolo Notícias nas redes sociais:
Área de comentários
Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

canal no youtube

Mais recentes